4 de junho de 2012

CLIMATÉRIO OBESO – OBESIDADE IN FOCO - ENDOCRINOLOGIA – NEUROENDOCRINOLOGIA: CLIMATÉRIO (PERÍODO DE TRANSIÇÃO ENTRE A FASE FÉRTIL E A MENOPAUSA) E MENOPAUSA (PARADA DA MENSTRUAÇÃO),

OBESIDADE, TPM, REPOSIÇÃO HORMONAL, APETITE SEXUAL  FEMININA, OSTEOPOROSE. CLIMATÉRIO E MENOPAUSA – NUTRIÇÃO

A menopausa surge exatamente em uma época em que a mulher está susceptível a várias complicações um pequeno percentual das mulheres podem não ter sintomas, mas terão todos os efeitos desagradáveis de forma silenciosa, esta é uma das características da menopausa. Dentre os sintomas comuns na  menopausa bem como o climatério que a antecede, estão o nervosismo, depressão, fadiga, instabilidade emocional e desânimo, etc.; que podem fazer com que a mulher busque na alimentação, sobretudo na ingestão de doces e chocolates uma compensação para esse período difícil. A alimentação adequada interfere de forma positiva na fase de menopausa, fazendo com que os sintomas desagradáveis da menopausa sejam menos intensos. O desejo por açúcar e doces está associado a certas deficiências vitamínicas. Recomenda-se que as mulheres complementem sua dieta com magnésio, cromo e vitaminas do Complexo B para diminuir o desejo por esses alimentos altamente calóricos durante a menopausa, que apesar de ser uma situação em que diminui os principais hormônios femininos, portanto uma alteração endocrinológica. As oscilações hormonais do climatério e menopausa estão associadas à necessidade de açúcar no sangue, assim como às mudanças de humor por deficiência de hormônios naturais da mulher. Fontes de magnésio: cereais integrais, castanhas, carnes, leite, vegetais verdes e legumes. Fontes de cromo: óleo de milho, mariscos, cereais integrais, carnes e água. Fontes de vitamina b: carne de porco, gema de ovo, fígado, coração, miúdos presunto, nozes, levedo de cerveja, germe de trigo e peixes. Uma má nutrição pode prolongar a recuperação de doenças e/ou desencadear outras novas, comprometendo o seu bem estar. Infelizmente a mulher não acompanha de forma adequada estes detalhes no climatério e na menopausa, até porque tem um pouco de resistência ao problema. Alguns cuidados devem ser tomados para não comer demais por descontrole emocional, poderá evoluir para uma situação de obesidade.

AUTORES PROSPECTIVOS

Dr. João Santos Caio Jr
Endocrinologia - Neuroendocrinologia
CRM: 20611

Dra. Henriqueta V.Caio
Endocrinologia - Medicina Interna
CRM: 28930

Como Saber Mais:
1. A menopausa é a ultima menstruação da mulher... http://drcaiojr.site.med.br/index.asp?PageName=Menopausa

2. Na menopausa tenho que fazer reposição hormonal... http://dracaio.site.med.br/index.asp?PageName=MENOPAUSA

3. Posso desenvolver diabetes na menopausa... http://diabetesmellitustipo2cia.blogspot.com

Referências Bibliográficas:
Dr. João Santos Caio Jr., Endocrinologista – Neuroendocrinologista, Dra.Henriqueta V.Caio, Endocrinologista – Medicina Interna - VAN DER HÄÄGEN BRAZIL – São Paulo – Brasil - A Modern Approach to the perimenopausal Years;  Robert B. Greenblatt, M.D.; Theodore B. Schartz.M.D.,Chief,Medical Service, V.A. Medical Center, Prof. of Medicine University of Washington; Will G.Rayan,M.D Section of Endocrinology and Metabolism.

Contato:
Fones: 55 (11) 5087-4404 ou 6197-0305
Nextel:55 (11) 7717-1257 
ID:111*101625
Rua Estela, 515 – Bloco D -12ºandar - Conj 121/122
Paraiso - São Paulo - SP - Cep 04011-002
e-mails: drcaio@vanderhaagenbrasil.com
drahenriqueta@vanderhaagenbrasil.com
vanderhaagen@vanderhaagenbrasil.com

Site Clinicas Caio
http://drcaiojr.site.med.br/
http://dracaio.site.med.br/

Site Van Der Haagen Brazil
www.vanderhaagenbrazil.com.br
www.clinicavanderhaagen.com.br

1 de fevereiro de 2012

CLIMATÉRIO E MENOPAUSA – ENDOCRINOLOGIA – NEUROENDOCRINOLOGIA: OS BENEFÍCIOS DA BOA NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO DURANTE O PERÍODO DO CLIMATÉRIO E MENOPAUSA

PODEM MINORAR OS EFEITOS DESAGRADÁVEIS DESTAS SOBRE AS MULHERES, INCLUSIVE NA MANUTENÇÃO DO PESO E DA FORMA.

É importante para a mulher no período do climatério e menopausa balancear a ingestão e o gasto de energia, senão provavelmente ela ganhará facilmente peso, principalmente através de gordura localizada, que será muito difícil de perder. Para a manutenção de sua saúde e qualidade de vida e status quanto ao peso, a mulher deve procurar compor suas refeições com os seguintes nutrientes em quantidades adequadas: fontes de magnésio: cereais integrais, castanhas, carnes, leite, vegetais verdes e legumes. Fontes de cromo: óleo de milho, mariscos, cereais integrais, carnes e água. Fontes de vitamina B: carne de porco, gema de ovo, fígado, coração, miúdos presunto, nozes, levedo de cerveja, germe de trigo e peixes. O metabolismo basal no período do climatério e menopausa diminui, ou seja, o gasto de energia diminui, e com a redução da atividade física pode diminuir as necessidades energéticas na mulher após os 40 anos de idades
e se a ingestão calórica não for reduzida o excesso será acumulado em forma de gordura principalmente localizada, ou seja, sobrepeso, obesidade, podendo apresentar obesidade abdominal, visceral ou central, que pode ser até controlada. Uma alimentação adequada, balanceada rica em grãos e cereais integrais, frutas, vegetais, legumes e peixes, pobre em gorduras, com quantidades e nutrientes adequados é muito importante nesta fase, pois estabelece a prevenção da saúde, aumentando conseqüentemente a qualidade de vida da mulher. Além de melhorar o humor, a disposição, a qualidade do sono, a auto-estima, o aumento da motivação e alivio da ansiedade, temos alertado frequentemente deste inconveniente. Uma má nutrição pode prolongar a recuperação de doenças e/ou desencadear outras novas, comprometendo o seu bem estar. Infelizmente a mulher não acompanha de forma adequada estes detalhes no climatério e na menopausa, até porque tem um pouco de resistência ao problema. Alguns cuidados devem ser tomados para não comer demais por descontrole emocional, poderá evoluir para uma situação em que a obesidade controlada fica em segundo plano; é preciso não pensar nos problemas durante as refeições, buscar o prazer e a sensação de bem estar durante a refeição, identificar se há realmente a presença da fome ou se o impulso de comer está apenas compensando um desejo psicológico, deve-se mastigar bem os alimentos tendo paciência para comer. Essas atitudes ajudam no controle da compulsão alimentar emocional, e aí sim, sentir que a menopausa ou o climatério não levou ao excesso de peso, não precisando emagrecer ou ter uma obesidade controlada, entre aspas. 

AUTORES PROSPECTIVOS

Dr João Santos Caio Jr
Endocrinologista - Neuroendocrinologia
CRM:20611

Dra Henriqueta V. Caio
Endocrinologia - Medicina Interna
CRM:28930



Como Saber Mais:
1. Quais as consequencias que a falta de hormônio faz em nosso corpo...

2. Quando devo começar a me preocupar com a reposição hormonal? Será que é quando começa a aparecer os sintomas ? Conheça um pouco mais sobre isso...

3. Menopausa e Climatério como saber se já chegou a hora? Tire suas duvidas...


Contatos
Fones: 55(11) 5087-4404 ou 6197-0305
Nextel: 55 (11)7717-1257
ID:111*101625
Rua Estela, 515 - Bloco D - 12º andar - Conj 121/122
Paraiso - São Paulo - SP - Cep 04011-002
e-mails: drcaio@vanderhaagenbrasil.com
drahenriqueta@vanderhaagenbrasil.com
vanderhaagen@vanderhaagenbrasil.com

Referencias Bibliográficas:
Prof. Dr. João Santos Caio Jr, endocrinologista,neuroendocrinologista, Dra Henriqueta Verlangieri Caio, endocrinologista,medicina interna-Van Der Häägen Brazil – São Paulo –Brasil,J Judith L. Turgeon Donald P. McDonnell , Kathryn A. Martin e Phyllis M. Wise Departamento de Medicina Interna, Divisão de Clínica, Nutrição Endocrinologia e Medicina Vascular, Universidade da Califórnia-Davis, Davis, CA 95616, EUA.Departamento de, Fisiologia Neurobiologia e Comportamento, Divisão de Ciências Biológicas, Universidade da Califórnia-Davis, Davis, CA 95616, EUA.Departamento de Farmacologia e Biologia do Câncer, Centro Médico da Universidade Duke, em Durham, NC 27710, EUA.Escola Médica de Harvard, Unidade endócrino reprodutivo, Massachusetts General Hospital, Boston, MA 02114, EUA.Science magazine – vol 304 pag. 1269.

Site Clinicas Caio
http://drcaiojr.site.med.br/
http://dracaio.site.med.br/


Site Van Der Haagen Brazil
www.vanderhaagenbrazil.com.br
www.clinicavanderhaagen.com.br


Google Maps:

25 de janeiro de 2012

CLIMATÉRIO E MENOPAUSA – NUTRIÇÃO - A ALIMENTAÇÃO ADEQUADA INTERFERE DE FORMA POSITIVA NA FASE DE MENOPAUSA, FAZENDO COM QUE OS SINTOMAS DESAGRADÁVEIS DA MENOPAUSA SEJAM MENOS INTENSOS.

Um imenso tormento para a mulher, é o inicio da deficiência dos hormônios sexuais femininos, denominado menopausa, período fisiológico que se caracteriza pelo encerramento dos ciclos menstruais e ovulatórios. Inicia-se com idade variável, mas normalmente entre os 45 e 50 anos. Surge exatamente em uma época em que a mulher está susceptível a várias complicações embora um pequeno % das mulheres podem não apresentar sintomas clássicos, mas terão todos os efeitos desagradáveis de forma silenciosa, esta é uma das características da menopausa. Dentre os sintomas comuns na menopausa bem como o climatério que antecedem, estão o nervosismo, depressão, fadiga, instabilidade emocional e desânimo, etcSe a menopausa é um fenômeno natural na vida da mulher, qual a razão dos médicos proporem um tratamento para o climatério, não deve ser uma pergunta, mas não tem sentido deixar a mulher em uma situação profundamente incomoda, antecipando inclusive seu envelhecimento estético, orgânico, talvez esses sejam motivos para que as pacientes nessas condições, tenham dificuldade de aceitar sua condição inexorável, o mesmo é valido para o homem na andropausa, ou seja, a diminuição da produção da testosterona. No início da menopausa (perimenopausa), a mulher poderá sentir sintomas muito fortes, o que interfere na sua maneira de viver e em sua qualidade de vida. Nos últimos 30 anos, as conquistas da ciência em geral e da medicina em particular aumentaram em muito a idade média de sobrevida dos homens e principalmente das mulheres. Considerando a idade média da instalação da menopausa, por volta dos 45 anos, veremos que as mulheres passarão um terço de suas vidas sem hormônios. A mulher, eventualmente busca na alimentação, sobretudo na ingestão de doces e chocolate, uma compensação para esse período difícil. As oscilações hormonais do climatério e menopausa estão associadas com as mudanças por deficiência de hormônios naturais da mulher.
Além disso, o açúcar e o chocolate são antidepressivos naturais, porque aumentam a quantidade de serotonina no cérebro, aliviando a tensão e causando uma sensação de bem estar na época do climatério e da menopausa. O desejo por açúcar e doces está associado a certas deficiências vitamínicas. Recomenda-se que as mulheres complementem sua dieta com magnésio, cromo e vitaminas do complexo B para diminuir o desejo por esses alimentos altamente calóricos durante a menopausa, que apesar de ser uma situação em que diminui os principais hormônios femininos, portanto uma alteração endocrinológica. 


AUTORES PROSPECTIVOS

Dr João Santos Caio Jr
Endocrinologista - Neuroendocrinologia
CRM:20611

Dra Henriqueta V. Caio
Endocrinologia - Medicina Interna
CRM:28930


Como Saber Mais:
1. Quais as consequencias que a falta de hormônio faz em nosso corpo...

2. Quando devo começar a me preocupar com a reposição hormonal? Será que é quando começa a aparecer os sintomas ? Conheça um pouco mais sobre isso...

3. Menopausa e Climatério como saber se já chegou a hora? Tire suas duvidas...

Referencias Bibliográficas
Prof. Dr. João Santos Caio Jr, endocrinologista,neuroendocrinologista, Dra Henriqueta Verlangieri Caio, endocrinologista,medicina interna-Van Der Häägen Brazil – São Paulo –Brasil,J Judith L. Turgeon Donald P. McDonnell , Kathryn A. Martin e Phyllis M. Wise Departamento de Medicina Interna, Divisão de Clínica, Nutrição Endocrinologia e Medicina Vascular, Universidade da Califórnia-Davis, Davis, CA 95616, EUA.Departamento de, Fisiologia Neurobiologia e Comportamento, Divisão de Ciências Biológicas, Universidade da Califórnia-Davis, Davis, CA 95616, EUA.Departamento de Farmacologia e Biologia do Câncer, Centro Médico da Universidade Duke, em Durham, NC 27710, EUA.Escola Médica de Harvard, Unidade endócrino reprodutivo, Massachusetts General Hospital, Boston, MA 02114, EUA.Science magazine – vol 304 pag. 1269.

Contatos
Fones: 55(11) 5087-4404 ou 6197-0305
Nextel: 55 (11)7717-1257
ID:111*101625
Rua Estela, 515 - Bloco D - 12º andar - Conj 121/122
Paraiso - São Paulo - SP - Cep 04011-002
e-mails: drcaio@vanderhaagenbrasil.com
drahenriqueta@vanderhaagenbrasil.com
vanderhaagen@vanderhaagenbrasil.com

Site Clinicas Caio



20 de janeiro de 2012

MENOPAUSA PREVENÇÃO – ENDOCRINOLOGIA – NEUROENDOCRINOLOGIA: A MENOPAUSA NATURAL OCORRE ENTRE OS 45 E OS 50 ANOS DE IDADE,

NESSA FASE OS CICLOS MENSTRUAIS PODEM SER INTENSOS, LEVES OU NÃO VIR MAIS. DESDE O INÍCIO DESSE PERÍODO DE TRANSIÇÃO A MULHER PODE SENTIR MUITOS SINTOMAS DESAGRADÁVEIS E DESENVOLVER OSTEOPOROSE.

A menopausa é um estágio natural da vida reprodutiva da mulher. A menopausa pode ter uma evolução natural ou ser cirúrgica (como resultado da remoção cirúrgica dos ovários). A menopausa natural ocorre entre os 45 e 50 anos de idade. Durante a evolução natural, os ovários tornam-se cada vez mais resistentes às mensagens hormonais enviados pelo cérebro dizendo aos ovários que devem produzir estrógeno e progesterona. Quando os ovários perdem a capacidade de responder às mensagens hormonais do cérebro, os ovários param de produzir estrogênio e progesterona. Esta baixa produção de hormônios resulta na interrupção do ciclo menstrualOs ciclos menstruais podem ser mais intensos, mais leves ou irregulares, mas eventualmente pode não haver mais menstruação. A fertilidade é muito reduzida como resultado da menopausa. Os sintomas da menopausa podem aparecer, mas não estão limitados a, fogachos, suores noturnos, insônia, irritabilidade, dores de cabeça e alterações de humor. Os sintomas individuais variam de leve a intensos. O tratamento da menopausa é individualizado e deve-se levar em consideração a história pessoal, história familiar, gravidade dos sintomas, e a existência de quaisquer outras questões médicas. Alguns pacientes optam pelo uso de terapia de reposição hormonal (TRH) para o alívio dos sintomas.Antes de iniciar a terapia de reposição hormonal você deve conversar com seu médico endocrinologista para verificar qual a melhor opção para você. No tratamento da menopausa não se faz uso somente da terapia de reposição hormonal, também se faz uso de substâncias que melhoram os sintomas da menopausa evitando também a perda óssea. O tratamento da menopausa deve ser feito sob medida para o indivíduo satisfazendo as necessidades do paciente, bem como considerando as últimas pesquisas no campo da menopausa. 




AUTORES PROSPECTIVOS

Dr João Santos Caio Jr
Endocrinologista - Neuroendocrinologia
CRM:20611

Dra Henriqueta V. Caio
Endocrinologia - Medicina Interna
CRM:28930

Como Saber Mais:
1. Quais as consequencias que a falta de hormônio faz em nosso corpo...


2. Quando devo começar a me preocupar com a reposição hormonal? Será que é quando começa a aparecer os sintomas ? Conheça um pouco mais sobre isso...


3. Menopausa e Climatério como saber se já chegou a hora? Tire suas duvidas...


Referências Bibliográficas:
Colégio Americano de Obstetras e Ginecologistas Comitê de Prática Ginecológica. ACOG parecer do Comité No. 420, Novembro de 2008: a terapia hormonal e doenças cardíacas. Obstet Gynecol . 2008 Nov; 112 (5) :1189-92.Tratamento da osteoporose em mulheres na pós-menopausa: 2010 declaração de posição do The North American Menopause Society. menopausa . 2010 Jan-Fev; 17 (1) :25-54; questionário 55-6. North American Menopause Society. Estrogênio e progesterona uso em mulheres pós-menopáusicas: 2010 declaração de posição do The North American Menopause Society. menopausa . 2010 Mar; 17 (2) :242-55.Col NF, Fairfield KM, Ewan-Whyte C, H. Miller na clínica. Menopausa. Ann Intern Med . 2009 07 de abril, 150 (7): ITC4-1-15. Brunner RL, Aragaki A, Barnabei V, et al. Experiência dos sintomas da menopausa, antes e depois de parar a terapia com estrogênio na Saúde da Mulher Iniciativa randomizado, controlado com placebo. menopausa . 2010 Set-Out; 17 (5) :946-54. Freeman EW, et al. Eficácia de Escitalopram para ondas de calor em mulheres saudáveis ​​na pós-menopausa.JAMA . 2011; 305 (3): 267-274. Atualizado por: David Zieve, MD, MHA, Diretor Médico, ADAM, Inc., Susan Storck, MD, FACOG, Chefe do Departamento Eastside de Obstetrícia e Ginecologia, Grupo de Saúde Cooperativa de Puget Sound, Bellevue, Washington; Faculdade de Ensino Clínico, Departamento de Obstetrícia e Ginecologia da Universidade de Washington School of Medicine. 2011/09/13.

Contatos
Fones: 55(11) 5087-4404 ou 6197-0305
Nextel: 55 (11)7717-1257
ID:111*101625
Rua Estela, 515 - Bloco D - 12º andar - Conj 121/122
Paraiso - São Paulo - SP - Cep 04011-002
e-mails: drcaio@vanderhaagenbrasil.com
drahenriqueta@vanderhaagenbrasil.com
vanderhaagen@vanderhaagenbrasil.com

15 de janeiro de 2012

PREVENÇÃO DA MENOPAUSA - ENDOCRINOLOGIA – NEUROENDOCRINOLOGIA: A MENOPAUSA NÃO PRECISA SER PREVENIDA VOCÊ PODE PROCURAR SEU MÉDICO ENDOCRINOLOGISTA, NEUROENDOCRINOLOGISTA PARA AJUDÁ-LA A TOMAR ATITUDES QUE DIMINUAM A INTENSIDADE DOS SINTOMAS.

A menopausa é o tempo na vida de uma mulher quando sua menstruação vai escasseando até parar totalmente, o corpo passa por várias mudanças que não permitem mais que ela engravide. É um acontecimento natural que ocorre normalmente em mulheres com idade variando de 45 a 55 anos. Durante a menopausa, os ovários de uma mulher param de produzir os folículos e eles produzem menos estrógeno e progesterona. Alterações nesses hormônios causam os sintomas da menopausa. Ciclos menstruais podem ocorrer com menos frequência e, eventualmente, até parar. Às vezes isso acontece de repente. Mas na maioria das vezes, os ciclos menstruais vão parando lentamente ao longo do tempo. A menopausa é completa quando você não apresenta ciclos menstruais durante 1 ano. Isso é chamado de pós-menopausaAs mulheres que estão na pós-menopausa não podem mais engravidar. A menopausa cirúrgica ocorre quando os tratamentos médicos causam uma queda brusca nos níveis de estrogênio. Isso pode acontecer se forem removidos os ovários, ou se você passar por quimioterapia ou terapia hormonal para câncer de mama. Os sintomas variam de mulher para mulher. Eles podem durar 5 ou mais anos. Algumas mulheres podem ter sintomas piores que outras. Sintomas da menopausa cirúrgica podem ser mais graves e iniciar mais subitamente. A primeira coisa que você pode observar é que os seus ciclos menstruais começam a mudar. Eles podem ocorrer com mais freqüência ou com menos frequência. Algumas mulheres podem apresentar ciclo menstrual de cada 3 semanas.Isso pode durar de 1 a 3 anos antes de os ciclos menstruais de parar completamente. Os sintomas comuns da menopausa incluem: ciclos menstruais que ocorrem com menos frequência e, eventualmente, param; episódios de taquicardia; ondas de calor, geralmente mais intensa durante os primeiros 1 a 2 anos; suores noturnos; rubor da pele; problemas para dormir (insônia). Outros sintomas da menopausa podem incluir: diminuição do interesse por sexo, possivelmente, diminuição da resposta à estimulação sexual; muito frequente esquecimento; eventualmente dores de cabeça; mudanças de humor, incluindo irritabilidade, depressão e ansiedade; perda de urina; secura vaginal e relações sexuais dolorosas; infecções vaginais com maior frequência; dores articulares e dores musculares. Exames de sangue e urina podem ser usados para procurar por alterações nos níveis hormonais. Os resultados dos testes podem ajudar o médico a determinar se você está perto da menopausa ou se já passou pela menopausa. Testes que podem ser feitos são: Estradiol; FSH; LH. Seu médico irá realizar um exame pélvico. A diminuição do estrogênio pode causar alterações na mucosa da vagina. Perda óssea aumenta durante os primeiros anos após seu último ciclo menstrual. O seu médico pode pedir uma densitometria óssea para verificar em que nível está sua perda óssea relacionada à osteoporose. A menopausa é uma parte natural e esperada do desenvolvimento de uma mulher e não precisa ser prevenida. Você pode reduzir o risco de problemas de longo prazo, como osteoporose e doenças cardíacas, tomando as seguintes atitudes: controle de sua pressão arterial, colesterol e outros fatores de risco para doenças cardiovasculares; não fumar. O tabagismo pode causar menopausa precoce; ingerir alimentos com baixo teor de gordura; fazer exercício físico regularmente. Exercícios de resistência ajudam a fortalecer os ossos e melhorar o seu equilíbrio; se você mostrar sinais precoces de perda óssea ou tem um forte histórico familiar de osteoporose, converse com seu médico sobre medicamentos que podem ajudar a parar o enfraquecimento. 


AUTORES PROSPECTIVOS

Dr João Santos Caio Jr
Endocrinologista - Neuroendocrinologia
CRM:20611

Dra Henriqueta V. Caio
Endocrinologia - Medicina Interna
CRM:28930


Como Saber Mais:
1. Quais as consequencias que a falta de hormônio faz em nosso corpo...


2. Quando devo começar a me preocupar com a reposição hormonal? Será que é quando começa a aparecer os sintomas ? Conheça um pouco mais sobre isso...


3. Menopausa e Climatério como saber se já chegou a hora? Tire suas duvidas...


Referências Bibliográficas: 
Colégio Americano de Obstetras e Ginecologistas Comitê de Prática Ginecológica. ACOG parecer do Comité No. 420, Novembro de 2008: a terapia hormonal e doenças cardíacas. Obstet Gynecol . 2008 Nov; 112 (5) :1189-92.Tratamento da osteoporose em mulheres na pós-menopausa: 2010 declaração de posição do The North American Menopause Society. menopausa . 2010 Jan-Fev; 17 (1) :25-54; questionário 55-6. North American Menopause Society. Estrogênio e progesterona uso em mulheres pós-menopáusicas: 2010 declaração de posição do The North American Menopause Society. menopausa . 2010 Mar; 17 (2) :242-55.Col NF, Fairfield KM, Ewan-Whyte C, H. Miller na clínica. Menopausa. Ann Intern Med . 2009 07 de abril, 150 (7): ITC4-1-15. Brunner RL, Aragaki A, Barnabei V, et al. Experiência dos sintomas da menopausa, antes e depois de parar a terapia com estrogênio na Saúde da Mulher Iniciativa randomizado, controlado com placebo. menopausa . 2010 Set-Out; 17 (5) :946-54. Freeman EW, et al. Eficácia de Escitalopram para ondas de calor em mulheres saudáveis ​​na pós-menopausa.JAMA . 2011; 305 (3): 267-274. Atualizado por: David Zieve, MD, MHA, Diretor Médico, ADAM, Inc., Susan Storck, MD, FACOG, Chefe do Departamento Eastside de Obstetrícia e Ginecologia, Grupo de Saúde Cooperativa de Puget Sound, Bellevue, Washington; Faculdade de Ensino Clínico, Departamento de Obstetrícia e Ginecologia da Universidade de Washington School of Medicine. 2011/09/13


Contatos
Fones: 55(11) 5087-4404 ou 6197-0305
Nextel: 55 (11)7717-1257
ID:111*101625
Rua Estela, 515 - Bloco D - 12º andar - Conj 121/122
Paraiso - São Paulo - SP - Cep 04011-002
e-mails: drcaio@vanderhaagenbrasil.com
drahenriqueta@vanderhaagenbrasil.com
vanderhaagen@vanderhaagenbrasil.com


Site Clinicas Caio